Como Importar dos Estados Unidos sem Problemas

Importar dos Estados Unidos não é um bicho de 7 cabeças

blog-usa

Quantas pessoas você conhece que gostariam de comprar produtos originais dos Estados Unidos, tais como roupas de marcas, perfumes, tenis, relógios e uma imensidão de eletrônicos? Pois é , saiba que é posível importar dos Estados Unidos e que para isto basta você conhecer alguns trâmites.

Conforme bem explicado no blog ComoImportarProdutos.org, há inumeras vantagens e cuidados a serem tomados.

Os Estados Unidos é, sem dúvida, um dos principais nichos de importação dos brasileiros. Quase todos os produtos dos sonhos estão bem mais em conta lá. Por que?

A maioria dos produtos vendidos pelos sites americanos são fabricados em países com mão de obra barata. Sem contar que o sistema tributário da terra dos EUA é justo, o que também garante o preço mais baixo.

Segundo pesquisas, a economia média em comprar produtos nos EUA é de 50% a 100%.

Não há dúvidas de que os EUA estejam entre os países mais visados do ponto de vista de importação. Afinal, muitas marcas famosas e de alta credibilidade possuem sua sede nos Estados Unidos, o que faz o preço lá ser muito mais barato do que aqui. Isso sem considerar a mão de obra barata e o sistema tributário justo, que funciona muito melhor do que o brasileiro. Muito bem, antes de aprender como importar dos EUA, vamos esclarecer algumas dúvidas:

Qualquer pedido em lojas americanas entrega no Brasil?

Não, mas sempre existe uma solução. Se o produto que você deseja não pode ser entregue no seu endereço brasileiro, você pode utilizar o chamado redirecionamento de encomendas. Ele funciona da seguinte forma: uma empresa nos Estados Unidos recebe a sua encomenda e depois envia elas para você. Para garantir a segurança nessa operação, basta utilizar uma empresa conceituada no mercado. O procedimento em si não é difícil, basta se cadastrar no site da empresa e informar os dados da compra juntamente com seu endereço. Outra vantagem dessas empresas de redirecionamento é que se a loja americana não aceitar seu cartão internacional, algumas oferecem a opção de realizar a compra por você. Ou seja, você faz uma espécie de depósito em uma conta (pelo Paypal, por exemplo) e a empresa efetua a compra enviando seu produto. É um quebra-galho e tanto!

Não tente burlar a alfândega ao importar dos EUA

Nesse método você mesmo irá preencher a declaração aduaneira (informará a quantidade e o valor dos produtos contidos em seu pacote). Isso é visto como uma vantagem para muitas pessoas, mas não tente enganar a alfândega informando um valor inferior ao real, pois valores incorretos resultam em uma taxação maior do que o próprio valor do produto, além de ficar preso por muito mais tempo!

 



Junte várias compras em um único envio

Se você deseja fazer várias compras, envie para o seu endereço nos EUA (sua empresa escolhida como redirecionador de encomendas) e solicite que todos os produtos sejam enviados em conjunto, pois isso irá economizar o seu frete. Mas atenção, faça sempre o cálculo para ter certeza de que essa é a melhor opção. Muitas pessoas preferem receber várias encomendas em vez de uma só para reduzir o tamanho dos pacotes e, consequentemente, a chance de ser taxado, mas o preço dessas encomendas geralmente acaba saindo mais caro do que uma encomenda só taxada. Ou seja, mesmo que seu pacote seja taxado, provavelmente ainda assim saia mais barato do que o custo de vários fretes somados. Você precisa avaliar se vale a pena ou não cada caso.

Modalidades de Fretes

Deixa eu citar abaixo algumas modalidades de fretes que você pode optar ao comprar dos Estados Unidos.

  • Priority Mail International

É o frete mais usado, pois possui código de rastreamento e, na maioria das vezes não é tributado, além de ter um preço acessível. O tempo de entrega costuma variar entre 20 a 40 dias.

  • First Class Mail International

É o frete mais comum e mais barato. O tempo de entrega costuma ser de 30 dias, podendo levar até 60 dias. Uma desvantagem é que não possui a opção de rastreamento.

  • DHL Global Mail

A DHL Global Mail é bastante utilizada em pacotes de maior peso, mas existe uma série de regras para que sua compra seja rastreada corretamente. Por exemplo, o peso mínimo para obter o rastreamento é de 2,04 Kg. Você pode optar pelo Global Mail Standard ou pelo Priority. O primeiro demora cerca de 20 dias para a entrega e o segundo chega dentro de uma semana. As próximas modalidades de frete que mostraremos quase sempre serão tributadas, por serem expressas.

  • Express Mail

Tempo de envio: 1 a 3 semanas.

  • Fedex

O fedex é muito rápido, pode chegar em menos de 7 dias, mas cobra além do valor de entrega uma taxa alta de desembaraço da mercadoria. Outra vantagem é que o sistema de rastreamento é muito eficiente.

Empresa recomendada para importar dos Estados Unidos

Conhecendo essas dicas, chegou a hora de conhecer uma empresa confiável para você conseguir importar dos EUA sem problemas: Shipito. Esse site serve para você fazer o redirecionamento de encomendas citado anteriormente. Ao se cadastrar você recebe um endereço (para onde vão as encomendas dos Estados Unidos). Depois de comprar em alguma loja, você informa ao Shipito (pelo código de rastreamento) que aquela compra está a caminho do endereço informado, então eles recebem a encomenda. Você escolhe o tipo de frete e solicita o envio para seu endereço no Brasil. O Shipito também oferece a opção de “Compra Assistida” que serve para o caso de você ter seu cartão de crédito rejeitado (por ser brasileiro). Nesse caso, eles compram para você.

Para aprender o passo a passo de como importar dos EUA e de outros países, conheça o curso ACADEMIA DO IMPORTADOR,  que ensina os segredos fundamentais para se importar pagando muito pouco com o objetivo de revender no Brasil ou apenas utilizar os produtos para consumo próprio.

 

 

Dica Mestre – Redirecionadores: o seu endereço de compras no EUA

Esta dica é do mestre Patrick Bonometti do blog ComoImportarGratis.com que explica bem legal e resumidamente esta dica.

E você sabia que não é preciso comprar somente de vendedores que entregam no Brasil?

Sim! No caso do produto que você deseja não poder ser entregue no seu endereço brasileiro, você pode utilizar o redirecionamento de encomendas. É bem simples, como se você tivesse um amigo nos Estados Unidos para receber as suas encomendas e depois as enviar para você.



É seguro? É, mas você precisa utilizar uma empresa conceituada. O procedimento é relativamente simples. Você precisa se cadastrar no site da empresa, que lhe fornecerá o seu endereço americano (que será algo como um armazém, caixa postal ou depósito da empresa escolhida).

uando você efetuar a compra, deve informar o endereço. Assim que a encomenda chegar, será redirecionada para você, no Brasil.

Uma das vantagens é que você mesmo preencherá a declaração aduaneira, ou seja, você informará a quantidade de produtos em seu pacote e o valor de cada produto contido na sua encomenda.

Mas atenção!! Não tente burlar a alfândega colocando o valor inferior do valor real do seu produto, pois quando você envia um pacote e ele é fiscalizado pela receita, ele pode passar mais tempo parado na receita por causa dos valores incorretos e, com isso, você pode ser taxado em um valor maior do que o valor do produto.

Se você declarar o valor correto, terá mais controle, inclusive, sobre o valor do imposto (no caso de precisar pagar).

Outra coisa é que você pode fazer várias compras, enviar para o seu endereço nos EUA e solicitar o envio conjunto de todas as peças. Assim você economizará no frete. Mas você deve avaliar bem se vale a pena ou não. Uma forma de fazer isso é calculando se o preço de envio de todos os produtos será maior que o imposto que poderá (ou não) pagar sobre uma única caixa (no caso de enviar todos juntos).

Uma coisa bem legal dessas empresas de redirecionamento é que, algumas, no caso de a loja americana não aceitar cartão internacional, oferecem a opção de realizar a compra por você. Você faz uma espécie de depósito em uma conta como a paypal e a empresa efetua a compra e envia seu produto. São muitas vantagens.

Comentários

Comentários